Entre os dias 10 e 12 de março, o Observatório da Juventude, Educação e Sociedade, da Universidade de Passo Fundo (UPF), em parceria com a ONG Ecopaz, realizou, no município de Guaporé, a oficina básica do Projeto Alternativas à Violência (PAV). A oficina reuniu 18 participantes, entre eles, jovens, acadêmicos, profissionais da secretaria de assistência social, da secretaria de Educação e de diferentes áreas do conhecimento.
O PAV consiste em uma proposta de vivências que priorizam e contribuem para a construção de relações e práticas dialógicas, capacitando e empoderando os sujeitos, visando ao protagonismo em diversos espaços e processos educativos de prevenção de violências, possibilitando a atuação como facilitadores e a capacitação de outros sujeitos. Busca, também, a resolução de conflitos nos mais diversos espaços de convivência, mediatizando transformações.

O PAV é um dos focos de trabalho do Observatório no ano de 2017, junto com a realização de um estudo chamado cartografia social, que visa mapear as experiências educativas de crianças e adolescentes para tentar identificar mecanismos que geram e produzem a violência e também as práticas que as instituições educativas encontram para tratar a violência.
Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn