Cultura e Arte

candido portinariO Instituto de Física de São Carlos (IFSC), Universidade de São Paulo (USP), ciente da importância da proximidade da Universidade de São Paulo à Sociedade, sempre se colocou como parceiro da Comunidade São-Carlense e do País, com a contínua oferta de produtos e oportunidades.

O programa SP Pesquisa, que será exibido pela TV Cultura no sábado (25/07) e pela Univesp TV no domingo (26/07), vai tratar de nanomedicina. Essa área de conhecimento é resultado do desenvolvimento de equipamentos sofisticados, que têm permitido ao homem controlar o que é muito pequeno. O programa apresenta pesquisas que usam ferramentas da nanotecnologia para melhorar a saúde das pessoas, destacando algumas aplicações como, por exemplo, as estruturas que levam medicamentos apenas até as células doentes.

Butantan logoO Instituto Butantan está com uma programação especial para as férias de julho. As atividades começaram no dia 14 e vão até o dia 26 julho. Ciceroneados pela personagem Sofia – uma menina que diminui de tamanho para conhecer os microrganismos –, os visitantes poderão conhecer o mundo invisível dos micróbios, no Museu de Microbiologia do Instituto, das 10h30 às 12h. No Museu Histórico, encontrarão jogos de quebra-cabeça, da memória e muitos outros que abordam história e ciência de maneira lúdica.

Alfredo AndersenAlfred Andersen, um jovem pintor norueguês, encantou-se com o Paraná quando, a caminho de Buenos Aires, em 1893, o navio em que viajava fez uma escala técnica em Paranaguá. Decidiu ficar. Casou-se com uma descendente de índios Carijós, deu aulas de pintura e retratou a burguesia que, em troca, o acolheu.

Após um período de recesso  para a manutenção do imóvel e higienização do acervo, a Fundação Ema Klabin reabre no próximo dia 17 de julho, sexta-feira, com visitas livres e gratuitas ao acervo e uma rica programação cultural. De 21 a 24 de julho, a casa-museu promove a Semana do Livro. O público terá a oportunidade de acessar alguns exemplares de livros da coleção: edições especiais, edições antigas, livros que foram proibidos em algum momento histórico, edições com ilustrações de grandes artistas - tanto brasileiros como estrangeiros, como Fragonard, Gustav Doré, Marcelo Grassman.

immigrantiCom a tônica de refletir sobre a formação do Rio Grande do Sul e perceber as imigrações que estão atualmente tendo vez no Brasil, em especial de refugiados de diversos países como o Haiti, o Centro Cultural 25 de Julho de Porto Alegre apresenta sua programação comemorativa aos 191 anos da Imigração Alemã no Rio Grande do Sul:

Histórias sobre descobertas e registros de novas espécies de animais não são contadas ao público somente em palavras. Ao explorar uma outra forma de linguagem, o Museu de Ciências e Tecnologias da PUCRS (MCT) apresenta a exposição Ilustração Científica: a arte na descrição de novas espécies, que apresenta um pouco do trabalho desenvolvido pelo curador da Coleção de Aracnídeos do MCT e professor da Faculdade de Biociências Arno Antonio Lise.

A Orquestra Filarmônica da PUCRS fará apresentação especial, no dia 10 de julho, sob a regência do maestro norte-americano Zvonimir Hacko e com a participação da violinista canadense Carla Trynchuk. O evento, gratuito e aberto ao público, faz parte do American Musical Legacy Project, um projeto organizado a partir da parceria da Embaixada dos Estados Unidos com o Oregon Music Festival. O espetáculo será realizado às 20h no Salão de Atos, no prédio 4 do Campus (avenida Ipiranga, 6681 – Porto Alegre).

germania bandieraA cultura do pão na Alemanha é o tema da terceira edição de 2015 do Stammtisch Deutsch, encontros com a língua alemã mediados por temáticas culturais e promovidos pela Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc). A atividade ocorre nesta quinta-feira, dia 25, das 18h30 às 20h30, na sede da Associação dos Docentes da Unisc (Adunisc).

Roland BarthesEm 2015, Roland Barthes, um dos principais pensadores franceses do século 20, faria cem anos. Para comemorar, a Universidade de São Paulo (USP) organiza o Colóquio Roland Barthes Plural, de 23 a 26 de junho de 2015, e uma exposição, que vai até 20 de setembro. Os eventos serão realizados na Casa das Rosas – Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura.

A região metropolitana de São Paulo tinha 4,8 milhões de habitantes em 1960. Cinquenta anos depois, eram 19,7 milhões. No período transcorrido entre as duas datas, a metrópole incorporou um acréscimo populacional equivalente a 1,3 vez a população da região metropolitana de Paris, 1,5 vez a do Rio de Janeiro e duas vezes a de Londres. No mesmo intervalo, as atividades produtivas agregadas alcançaram escala comparável à da economia do Chile.